O que George Clooney, Nicole Kidman e Daniel Craig têm em comum, além das carreiras estelares de atuação? Eles são todos embaixadores da Omega, que é a razão por eu estar no Berkeley Hotel esperando para conhecer Eddie Redmayne, o último nome na formidável lista da relojoaria.

A nomeação de Redmayne em março de 2016 é apenas parte do que poderia ser chamado de “annus mirabilis” (ano maravilhoso) para o jovem ator britânico (34). Em Dezembro de 2016, ele recebeu uma OBE (medalha de honra da Ordem do Império Britânico) da Rainha; em Junho, sua esposa Hannah deu à luz a filha deles, Iris; atualmente Eddie está promovendo Animais Fantásticos e Onde Habitam, um spin-off de Harry Potter; e para selar sua credencial de estilo que está crescendo rapidamente, ele foi o rosto da campanha de Outono/Inverno de 2017 da Prada, depois de ser coroado pela GQ como o Homem Mais Bem Vestido na Bretanha em Janeiro de 2016. Ufa.

Sobre sucesso…

“Obrigado, obrigado,” entusiasma Eddie com um sorriso, quando eu lembro-o de como esse ano foi para ele. Ele está vestido impecavelmente com uma camisa Saint Laurent, suéter da Prada e calças Margaret Howell, e ele é tão magro que eu poderia, provavelmente, colocar meus braços ao redor da cintura dele duas vezes e, é claro, você não pode esquecer aqueles ossos zigomáticos [ossos da bochecha] que dá a ele aquele look de modelo (atributos que a Burberry deve ter notado, anos atrás, quando o escalou para a campanha deles de 2012 ao lado da Cara Delevingne). Conhecido como um “cara muito legal” na indústria (algo que ele diz que aqueles que realmente conhecem-no não diriam), ele tem uma energia nervosa meio jack-in-the-box e um entusiasmo sem limites como de um filhote, o que eu suspeito ser necessário para fazer alguns dos papéis extraordinários que ele interpretou nos últimos 13 anos, desde a sua graduação, primeiro no Eton e depois em Cambridge (ele tirou um 2.1 em História da Arte*), e mais excepcionalmente como o físico Stephen Hawking em A Teoria de Tudo, que deu a ele um Oscar de Melhor Ator em 2015.

“Você não tem expectativas de como isso pode ser,” diz Eddie sobre seu OBE. “Nós chegamos [no Castelo de Windsor] e subimos a estrada mais longa e reta do mundo e tinha um nevoeiro. Foi lindo. Lá dentro as pessoas estavam vestidas com capas azuis com colares escarlates, você conhece todos os soldados e o castelo estava incrível com todas aquelas decorações de Natal. Foi um pouco intimidante.”

Sobre se tornar pai…

Não tão intimidante como poderia imaginar o nascimento de uma criança. O que a paternidade significou para o homem que, sobre seu casamento em 2014, disse ter sido “a coisa mais maravilhosa que já fez”? “É meio que um clichê, mas o único aspecto negativo é a privação do sono. Uma dia, Iris dormiu a noite toda e nós ficamos como, ‘Nossas vidas estão de volta!’, só que fomos enganados e na noite seguinte acordamos em todas as horas. Mas apesar disso, você pode entrar no quarto dela ligeiramente furioso, e em seguida, há um enorme sorriso esperando por você e tudo é esquecido.”

Eddie terminou as filmagens de Animais Fantásticos em Março passado, então tem estado bem perto de Iris nos primeiros meses, mas enquanto que vários pais novos não ousam deixar a casa por um tempo, ele e Hannah se sentiram bem em voar para as Olimpíadas do Rio com Iris tendo apenas oito semanas. “Houve um momento um pouco preocupante quando nós estávamos no avião com vários atletas e havia o medo de que a Iris iria mantê-los acordados e estragar suas chances de ganhar uma medalha, mas eles pareciam bem!”

Sobre arte e estilo…

Longe das telas, Eddie é um colecionador de arte “da maneira mais gentil”. “Eu tenho algumas pinturas e desenhos, mas nada de valor. Sou um pouco mal educado na arte contemporânea, contudo nós sempre vamos no Frieze Masters, algo que eu realmente gosto.” E da onde ele tirou seu estilo de lista-de-mais-bem-vestido? “Eu, definitivamente, não fui sempre – ou serei sempre – uma pessoa bem vestida. Muito disso veio da campanha da Burberry que eu fiz. Eu fui para uma prova e as roupas eram tão bem ajustadas que eu fiquei como “whoa!”, mas quando vi as fotos percebi que o terno parecia muito melhor, tanto que eu mudei minha escolha em alfaiataria.” Ele é um fã da Prada, naturalmente, mas também elege Gucci, McQueen e Hardy Amies como os seus designers prediletos.

Eddie e Hannah vivem em Borough, sul de Londres, e ele gosta “do fato de que é no centro, mas também pode ser bem quieto no fim de semana.” Ele ama ir ao teatro (o Young Vic é, particularmente, um favorito) e em museus, mas na maior parte do seu tempo livre, ele gasta “mantendo sua filha viva”. O casal também aluga uma “velha casa de campo” nas Midlands, que eles estão aos poucos trazendo de volta a vida.

Iremos perdê-lo para Hollywood? “Eu não amei LA no primeiro momento, porque se você é alguém que está acostumado a andar, você está ferrado. Mas depois de ir por 12 ou 13 anos, eu tenho uma grande afeição, embora, como um ator, a perspectiva sobre você muda se você está tendo sucesso ou não, porque é um lugar de uma indústria.”

E, agora, voltando para o porquê de eu estar aqui, primeiramente. Eu admiro o Omega Globemaster Calendar que ele está usando. “Ele [o relógio] me mostra a data, o que é bem útil. Eu sou bem chato com horários e minha esposa está sempre atrasada, então eu, gentilmente, fico apressando ela.” Mas Eddie conhece a marca há muito tempo, desde que seu pai usava um Omega De Ville que ele sempre admirou. Então, depois de comparecer na Omega House durante as Olimpíadas de Londres em 2012, um relacionamento nasceu. “Quando você percebe que há uma narrativa que vai além do objeto, é realmente incrível. Eu sou seduzido por histórias.”

Seu entusiasmo pela marca e sua história é, aparentemente, tão grande quanto o pelo os outros assuntos que nós conversamos sobre em nossos 20 minutos e, talvez, seja essa a habilidade de Eddie, ele é tão credível fora das telas quanto nelas.

Eddie Redmayne é um embaixador dos relógios da OMEGA e o rosto da coleção OMEGA Constellation Globemaster.

(Fonte)

Eddie Redmayne recebeu a honraria Freedom of the City, da City of London, no dia 26 de Janeiro, em cererimônia realizada em Londres. Seus pais e Hannah estiveram presentes.

Essa honraria representa o reconhecimento de uma vida de conquistas ou alto nível internacional, incluindo os que alcançaram sucesso, reconhecimento ou fama na área escolhida. Para saber mais sobre essa honraria, clique aqui.

Confira as fotos da cerimônia:

1~11.jpg2~11.jpg3~5.jpg4~3.jpg

Enquanto Eddie estava gravando o audio book, contou sobre sua experiência para trazer sua interpretação de Newt Scamander ao estúdio.

“Antes de eu ser escalado para o filme, David Yates me falou sobre Newt e seu livro. Eu achei tão divertido e encantador e escrito com muito bom humor. Mas só quando comecei a ler em voz alta para o audio book que eu percebi o quão complicado e poético pode ser o uso de sons e linguagem utilizados por J.K. Rowling. Aqui existem muitas palavras que enrolam a língua! Ocasionalmente, eu tive que parar de gravar porque eu era incapaz de dizer certas palavras sem rir ou sem enrolar minha língua. Eu gostei do desafio e espero que os ouvintes possam sentir isso na minha narração.”

(Fonte)

 

Esse final de semana aconteceu o evento anual A Celebration of Harry Potter em Orlando e lá foi exibido um vídeo com uma mensagem de Eddie Redmayne. Confira:

Eddie é a nova voz do novo audio book de Animais Fantásticos! Confira a reportagem postada no site do Pottermore:

Eddie Redmayne emprestou sua voz para a nova versão de audio book do livro Animais Fantásticos e Onde Habitam. Ele gravou a narração com sua voz de Newt Scamander.

O livro audio book digital estará disponível para pré-venda no Audible UK, Audible US e Audible Australia e será lançado no dia 14 de Março de 2017.

Muitas coisas ocorrerem no Mundo Bruxo desde a publicação original e J.K. atualizou um pouco do texto.

Assim como a edição do livro impressa e a digital, o audio book contém uma nova introdução feita pelo próprio Newt Scamander, com dicas sobre um pouco do que aconteceu em sua visita a Cidade de Nova Iorque no ano de 1926 e seguintes. Além disso, também apresenta seis novos animais, junto com todas as conhecidas descobertas de Newt. Contém também efeitos sonoros.

Confira o vídeo de Eddie gravando uma parte do livro:

Possivelmente, o que é mais adorável no vídeo são as expressões faciais que Eddie não consegue evitar fazer quando ele usa a voz de Newt Scamander. Ele pode estar em roupa de Trouxas, sentado em um estúdio de gravação muito moderno, mas ainda assim, Eddie consegue transportar você para o mundo bruxo.

E, como vocês podem perceber, ele gosta muito de algumas das criaturas que ele fala à respeito nesse livro. Ele fala sobre o seu favorito em particular, o Seminviso (Demiguise, em inglês), e como ele pode ser encontrado. Ele introduz o Niffler, que só lhe traz problemas no filme, com um orgulhoso ‘Senhoras e senhores: o Niffler’, adicionando ‘Eu poderia falar sobre o Niffler o dia inteiro.’

Quando ele vai ler um trecho sobre outro de suas mais amadas criaturas, ele dá um olhar cansado enquanto diz ‘Ah, o Erumpente (Erumpent, em inglês). Se você assistiu o filme Animais Fantásticos, você sabe exatamente o que ele quer dizer.

(Fonte)

‘Animais Fantásticos e Onde Habitam’ recebeu duas indicações ao Oscar, em sua 89ª edição. As categorias são: Melhor Figurino e Melhor Design de Produção. Confira abaixo todos os indicados a essas categorias:

  • MELHOR DESIGN DE PRODUÇÃO

A Chegada

Animais Fantásticos e Onde Habitam

Ave, César!

La La Land: Cantando Estações

Passengers

  • MELHOR FIGURINO

Aliados

Animais Fantásticos e Onde Habitam

Florence Foster Jenkins

Jackie

La La Land: Cantando Estações

No dia 8 de janeiro, Eddie Redmayne compareceu à cerimônia do Globo de Ouro que aconteceu em Los Angeles. Ele apresentou junto com Jessica Chastain a categoria de Melhor Filme de Comédia ou Musical, entregando o prêmio à La La Land. Confira as fotos:

ERFrance004.jpgnormal_001~3.jpgnormal_ERFrance003~0.jpgnormal_ERFrance001_28129.jpg

INICIO > APARIÇÕES E EVENTOS > 2017 > 74TH ANNUAL GOLDEN GLOBE AWARDS

INICIO > APARIÇÕES E EVENTOS > 2017 > 74TH ANNUAL GOLDEN GLOBE AWARDS – SHOW

INICIO > APARIÇÕES E EVENTOS > 2017 > 74TH ANNUAL GOLDEN GLOBE AWARDS – INSIDE

INICIO > APARIÇÕES E EVENTOS > 2017 > THE 2017 INSTYLE AND WARNER BROS. 73RD ANNUAL GOLDEN GLOBE AWARDS POST-PARTY

Confira a carta que Eddie escreveu a seus fãs em Janeiro de 2017:

Me preparar para a grande responsabilidade de interpretar Stephen Hawking em “A Teoria de Tudo”, me lembrou que nosso grante presente na vida é a nossa saúde. Embora eu tenha habitado em parte de suas vidas por um breve período de tempo, a imensa coragem e incomensurável luta das famílias que sofrem de MND (sigla ELA, em português, doença do neurônio motor) e que compartilharam suas experiências é algo que eu nunca vou me esquecer e eu me sinto honrado de ser um Patrono da MND Association (associação que arrecada fundos e promove a pesquisa sobre a doença, além de auxiliar pessoas).

Outro dos meus grandes presentes são os meus fãs, e a cada ano com a chegada do meu aniversário, as felicitações e presentes que eles me dão tocam o meu coração. Esse ano, uma equipe desses fãs está trabalhando com a MND Association para canalizar a generosidade de vocês para a pesquisa e serviços da Associação.

O melhor presente de aniversário que vocês podem me dar é compartilhar do meu envolvimento com a MND Association de qualquer forma que vocês puderem, para ajudar no trabalho para a compreensão mais profunda – e finalmente uma cura – dessa doença brutal.

Como sempre, seu apoio é profundamente comovente para mim. Desejo que seu Novo Ano seja cheio de realizações.

Sua doação é importante e vai ajudar os pacientes que sofrem de ELA ao redor do mundo.

Para saber mais e para doar, clique aqui.

Siga o projeto no Twitter (@Happy35Eddie) e visite a página com o tributo ao aniversário de Eddie aqui.

(Fonte)

Eddie Redmayne contou a GQ o que ele realmente pensa sobre JK Rowling e os cincos filmes de Animais Fantásticos, revelou os desafios de se vestir sendo daltônico (cuidado com ternos verdes!) e falou sobre seu relógio favorito quando criança enquanto ele é o anfitrião de um jantar para o lançamento do Globemaster Annual Calendar da Omega.

Você sempre usou um relógio?

Sim, quando criança eu era obcecado com Flik Flak, que foi meu primeiro relógio. Mas eu poderia cantar para você o comercial. [cantando] Flik Flaks, eles são resistentes a água, Flik Flaks, eles são resistentes a choques!

Eles custavam £15, eu me lembro. E então, eu troquei pelo Swatches, eu me achava estranho com o Swatch Skin, eles eram super finos. Meu pai sempre teve um Omega deVille, um clássico super antigo. Era de ouro com uma correia de couro. E quando eu me tornei adulto, tive outros relógios.

Eu estou usando um Omega Globemaster Annual Calendar, que é o novo modelo. Eu venho usando o Globemaster por mais ou menos um ano e meio, e este tem o calendário, o que é novo. Você apenas tem que mudar a data uma vez por ano, no dia 29 de fevereiro.

Como você combina seu relógio com a sua roupa?

Geralmente, eu uso cores apagadas, então eu tenho esse e um Globemaster, sem o calendário, que é azul. Eu sou daltônico, então em minha vida eu tendo a usar azul e cinza, e manter isso em tons apagados para eu saber que é a cor certa. Então, eu uso o relógio azul e o cinza aqui, e isso tende a não se chocar, funciona com tudo.

Como é ser daltônico?

É estranho quando você tenta e descreve o daltonismo para as pessoas. Porque eles estão como, “o quê, vermelho-verde?”, e você está, “sim”, azul e roxo eu confundo. Eu vou com cinza e marrom, e não, eu não vejo em preto e branco, você na verdade vê em cores, é apenas confusão de cores.

Eu quase me sinto um pouco como uma fraude quando digo que sou daltônico, porque eu vejo as cores. [Eu tenho problemas quando], por exemplo, estou filmando uma cena, e você tem que atingir uma marca no chão, e é uma marca vermelha ou verde grama. Com a minha visão periférica eu não tenho chance. Se eu olhar para baixo, consigo ver a diferença entre vermelho e verde, mas eu não sei como explicar isso para as pessoas.

Isso já afetou na sua escolha de roupas? 

A primeira vez que eu soube sobre isso, não envolveu roupas, mas eu estava pintando alguma coisa na escola. Estava pintando nuvens, e eu pensei que tinha ido tudo bem. Mostrei aos meus colegas e eles apenas disseram, “isso é um monte de nuvens verde m*rda.” Eu pensei que eram todas cinzas!

Eu também lembro de ir para a premiere de A Teoria de Tudo em Toronto, e eu escolhi um terno da Burberry, e era, eu dizia que era verde, mas me disseram que era um verde azulado. Eu disse a minha esposa que iria usar um terno verde e entrei no quarto, ela disse “Meu Jesus! Isso não é apenas um verde, é verde chamativo!”

Infelizmente, eu não tinha mais nada, então sai para o mundo com ele. Eu tive que, genuinamente, colocar meus ombros para trás e tentar dominar esse terno verde hortelã.

Nós fazemos uma votação de mais bem vestidos para os leitores votarem na GQ, como você se sente perdendo para Tom Hiddleston, e Zayn como o vencedor?

Bem, Tom Hiddleston é um cara elegante. Oh Deus! Tenho que dizer, eu vi uma foto do Zayn Malik vestindo uma armadura de metal nos braços e achei muito extraordinário! Ele definitivamente deveria estar ganhando prêmios [por isso]. Eu não tenho certeza se tem muitas que poderiam colocar isso, meu braço robótico funcionaria, você acha? [Zayn] fez funcionar.

Conte-me sobre aparecer no Met Ball?

Eu estive algumas vezes, e sempre uso um smoking e uma gravata branca um ano. É meio extraordinário o Met Ball, você sente que está indo em um daqueles bailes de fantasia, de uma era diferente que não existe mais. Você dá todos esses passos, e então você anda pelo Metropolitan Museum, que está fechado para o evento. Todo o lugar que você olha há pessoas estão extremamente bem vestidas. É uma experiência bem surreal. É como uma mistura entre o baile da Cinderella e Uma Noite no Museu.

Você já se sentiu intimidado algumas vezes quando ia para esses eventos?

A sorte de ser ator é que você vai para casas de moda, e tem pessoas, cujo o trabalho é dizer, “use isto.” E “isso fica bom em você”, e você “Ok!”.

Eu acho que um terno com um bom caimento me deixa mais confiante. Tem uma coisa tão surreal, e nunca vai deixar de ser menos surreal, sobre estar no red carpet, e olhar para as câmeras.

Você pegou algumas dicas sobre o uso obrigatório de smoking?

Eu descobri que o principal é o caimento. A coisa mais importante se você compra um, é cair bem. Estranhamente, um dos lugares onde as pessoas não ajustam, são os braços. Atrás dos braços. Aí está a minha dica! Porque você pode ter um bom caimento no tronco, mas se os braços estão folgados, parece ruim.

Como você combina um relógio com uma camiseta? Particularmente pensando nas mangas.

Você encontra a camiseta. Na vida, quando você a camiseta, você tem que comprá-la e usá-la o tempo todo. Alguns anos atrás, eu encontrei uma camiseta Thomas Pink, caimento elegante e uma boa gola, e eu, basicamente, usava ela o tempo todo. Eu tenho duas delas. Porque se você tem a manga com um tamanho que funciona, está tudo bem.

O plano é fazer cinco filmes de Animais Fantásticos, o quê você acha disso?

Meus pensamentos sobre isso, é que eles vão apenas ser feitos se as pessoas gostarem deles, primeiramente. E em segundo lugar, quando você conhece JK Rowling, você percebe que para ela é apenas sobre contar a história. É tudo o que ela quer fazer, ela não tem outros planos. Ela é um ser humano incrivelmente rica, incrivelmente generosa, contando esta história porque ela tem uma história para contar. E isso me deixa animado, porque se você vai fazer mais filmes – e eu não tenho ideia de como são essas histórias, ou como meu papel será nisso – e se você vai se jogar no escuro, sem saber qual é o futuro, estando nas mãos de uma das maiores contadoras de história da nossa geração, parece um jogo bastante bom.

A história que ela quer contar, ela sempre planejou. E percebeu quando ela estava fazendo os roteiros que seria cinco filmes, ao invés de quatro, que era o plano original dela. E se as pessoas gostarem desse e, esperançosamente, do próximo, então nós veremos o que acontece.

(Fonte)