Redmayne concedeu uma pequena entrevista à Entertainment Weekly, onde revelou mais alguns detalhes sobre Animais Fantásticos: Os Crimes de Grindelwald. A EW também trouxe uma nova foto que pode ser vista na galeria. Leia o texto a seguir.

O trailer de Animais Fantásticos: Os Crimes de Grindelwald já sugere isso. Mas o astro Eddie Redmayne diz que suas suspeitas estão corretas: a continuação de Animais Fantásticos e Onde Habitam, de 2016, é uma história “sombria”.

“O aspecto mais fascinante é a mudança de tom”, diz Redmayne à EW (e, sim, essa é uma nova foto do filme acima). “É mais obscuro e mais rigoroso e entrelaçado na tradição Potter com a qual estamos muito mais familiarizados. Então esses personagens que você conheceu no primeiro filme estão agora no mundo mágico que você entende mais profundamente. Quando eu li [o roteiro] ele tinha esses elementos enigmáticos e ele tocava como um thriller que o tornava uma virada na página”.

Dado que o roteiro foi escrito pela autora de Harry Potter, JK Rowling, esse aspecto de virada de página dificilmente é uma surpresa.

Redmayne, que reprisa seu papel de magizoologista Newt Scamander no filme, também revelou alguns detalhes da história que nos dão algumas dicas novas. Obviamente, o bruxo das trevas Grindelwald (Johnny Depp) foi capturado no último filme. Na nova história, ele está sendo enviado de volta para a Europa para ser julgado e consegue escapar.

“Eu me alistei com Dumbledore (Jude Law) para tentar localizá-lo e capturá-lo”, diz Redmayne. “O que aconteceu é que a crença de Grindelwald de que sangue puro deveria reinar sobre todos os seres não-mágicos é uma coisa política. Ele está reunindo mais e mais pessoas e isso causa divisões entre as famílias. Ele é bem hipnótico.

Hmm. Essa descrição soa um pouco como… Você sabe quem.

Fonte